terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Campina Verde - Polícia Rodoviária apreende veículo e arma na BR 364

Foi na madrugada de segunda-feira (27/01) no Km 130 da Rodovia BR 364, uma guarnição composta por militares do 3º Pelotão de Policia Militar Rodoviária de Frutal, sob o comando do Tenente Elífio Duarte, deram sinal de parada ao condutor de um veículo Honda Civic, cinza, placa DZV 2357, Piracicaba/SP, sendo que o motorista não respeitou a sinalização e empreendeu fuga.
Os militares de Campina Verde foram acionados para que realizassem cerco bloqueio e uma viatura em que estavam os militares desta cidade, Cb PM Guilherme Oliveira e Sd PM Oliveira se deslocaram para a rodovia quando avistaram o veículo próximo ao Parque de Exposições que passou em alta velocidade, seguindo sentido à cidade de Frutal, mais uma vez não obedecendo o sinal de parada.
Já no município de Itapagipe, logo após atravessar a Ponte do Rio Verde, o motorista perdeu o controle direcional do veículo, tendo este saído da pista. Imediatamente os ocupantes abandonaram o veículo e adentraram na mata. Eles estavam sendo seguidos por duas viaturas da Polícia Militar de Campina Verde, além da viatura composta pelos integrantes da Polícia Rodoviária.
Dentro do veículo que foi abandonado às margens da rodovia a polícia localizou placas de veículos, 02 rádios de comunicação Motorola, uma espingarda cal. 12 marca CBC e cartuchos. Ao realizarem pesquisa no sistema informatizado, verificou que o referido veículo foi roubado dia 18 de janeiro deste ano na cidade de Uberaba, o qual tem a placa HOC1713, a qual havia sido substituída já que a placa que aparece na foto é de outro veiculo.
Foi feito intenso rastreamento na região que se estendeu na madrugada e parte desta segunda feira (27/01) pelos componentes da Polícia Militar Rodoviária, militares de Campina Verde e ainda com o apoio da equipe do canil da cidade de Uberaba, porém sem êxito já que trata-se de um local extenso de vegetação muito densa.
De Campina Verde, além da guarnição composta pelos militares, Cb PM Guilherme Oliveira e Sd PM Oliveira, participaram da ocorrência Cb PM Borges e Sd PM Lucas.

Médico anestesista de Uberaba perde a vida ao capotar carro na rodovia MG-427

O médico anestesista José Geraldo de Castro, 62 anos, morreu na manhã de ontem, depois de perder o controle de seu veículo, um Fiat Stilo, e capotar. O acidente aconteceu na MG-427, próximo ao posto de fiscalização da Polícia Militar Rodoviária (PMR). O médico se dirigia para hospital em Conceição das Alagoas para atuar em um parto.
Por volta de 8h15, uma guarnição da PMR que fazia patrulhamento pela MG-427 foi informada por usuários da rodovia que o motorista de um veículo Fiat Stilo, que seguia sentido Uberaba-Conceição das Alagoas, teria perdido o controle de direção e capotado várias vezes, parando do lado esquerdo da pista.
Os militares foram até o quilômetro 11 e se depararam com o veículo Fiat Stilo, cor cinza, placas DNK-2884/Uberaba, totalmente destruído. O carro era conduzido pelo médico José Geraldo de Castro. Uma guarnição do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local prestando os primeiros socorros à vítima, porém a mesma não resistiu aos ferimentos, morrendo no local.
A Perícia Técnica da Polícia Civil também compareceu no local do acidente e, depois de colher imagens, fazer medições e ouvir testemunhas, liberou o cadáver para ser trasladado ao Instituto Médico Legal (IML), onde passou por necropsia e foi liberado para velório e sepultamento. O carro foi entregue a familiares por estar com a documentação em dia. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar as causas do acidente.
Informações e foto: Jornal da Manhã
Deputada Liza Prado é condenada por beneficiar empresas em Uberlândia

A deputada estadual Liza Prado (PROS) foi condenada por improbidade administrativa em ação do Ministério Público (MP) por beneficiar empresas no período em que era coordenadora do Procon de Uberlândia, no Triângulo Mineiro.
Conforme a decisão do juiz João Ecyr Mota Ferreira, Liza Prado terá que ressarcir aos cofres públicos os valores referentes aos produtos doados irregularmente, como prevê a lei 8.429/92 que trata de improbidade administrativa. Além disso, a deputada foi condenada à perda de sua função pública, à suspensão de seus direitos políticos por cinco anos e à proibição, pelo mesmo prazo, de contratar com o Poder Público.
Segundo ação movida pelo MP, a deputada teria aplicado, indevidamente, penas alternativas a cinco empresas envolvidas em processos administrativos conduzidos pelo órgão, além de realizar doações de bens públicos sem a devida avaliação e não apresentou a prestação de contas mensal do órgão.
Entre as penas estavam fornecimento de ingressos de cinema para consumidores reclamantes, doação de ingressos, transportes e lanches a alunos de escola municipal, além de fornecimento de calçados para que o Procon pudesse doar a alunos e a mães de alunos de instituições de ensino do município. Neste último caso, o MP considerou que foi lesão ao patrimônio público já que a doação foi feita sem avaliação prévia.
O juiz então acatou os pedidos da promotoria quanto às penas alternativas, mas negou a denúncia em relação à prestação de contas, já que o próprio Ministério Público reconheceu que não havia nenhuma irregularidade na contabilidade do Procon. Ele entendeu que as doações feitas pelas empresas contribuíram para a hoje deputada, se elegesse vereadora de Uberlândia.
“Ao oferecer ingressos de cinema, com transporte e lanche gratuitos, a alunos da rede pública de ensino, e ao doar calçados às mães desses alunos, a ré fez mesura com chapéu alheio, colhendo, no final do ano de 2008, os frutos em forma de votos”, afirmou em sua decisão, lembrando que a acusada, naquele ano, após ser exonerada do Procon, tornou-se vereadora em Uberlândia.
Mas, por ser de primeira instância, a deputada deve apresentar recurso já nos próximos dias. Segundo ela, a condenação tem fins políticos já que Liza Prado é pré-candidata ao Legislativo mineiro e pretende se candidatar, nas próximas eleições municipais, à prefeitura de Uberlândia. "Isso é perseguição política, uma retaliação, em função de uma denúncia de superfaturamento do pescoço de frango em Uberlândia, quando eu já era vereadora na cidade, em 2009", disse a deputada à reportagem do Hoje em Dia.
Ainda segundo Liza Prado, as penas alternativas tratam-se, na verdade, de Termos de Ajustamento de Condutas (TACs) previstos em lei. "O que eu fiz foram acordos com empresas infratoras para reverter multas em benefício da população, especialmente levando crianças carentes ao cinema. Por que é errado beneficiar escolas públicas?" questionou a deputada.
Ela acrescentou ainda que a decisão da Justiça é ilegal já que uma agravo regimental a um recurso extraordinário no Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu todas as ações de improbidade administrativa praticadas contra agentes políticos e que, como deputada estadual à época em que a ação foi impetrada, o processo deveria ter sido aberto diretamente do Tribunal de Justiça de Belo Horizonte, e não na comarca de Uberlândia.  
"É uma sentença totalmente nula e que certamente será cassada. Não houve enriquecimento ilícito, nem dano ao erário, então não há que se falar em improbidade administrativa. Foi uma decisão apenas para tentar me prejudicar já que estamos em ano eleitoral, mas eu incomodo e vou continuar incomodando", afirmou. Liza Prado concluiu dizendo que as doações não tiveram nenhum cunho eleitoral e que, se assim tivesse sido constatado pelo MP, a denúncia teria que ter sido apresentado à época e à Justiça Eleitoral.
Fonte: Jornal Hoje em Dia
Polícia prende quadrilha de roubos de carga em três estados
Treze pessoas foram presas em Uberlândia e veículos apreendidos

Treze homens, apontados como integrantes de uma quadrilha de roubos a carga que agia em três estados, foram presos em Uberlândia na tarde da última segunda-feira (27). O grupo era monitorado há um mês e meio pela Divisão de Operações Especiais (Deoesp) da Polícia Civil em conjunto com a Delegacia Especializada em Furtos, Roubos e Desvio de Cargas de Belo Horizonte. Quatro veículos foram apreendidos.
O grupo foi detido em uma churrascaria de um posto de combustíveis, na BR-365, na saída para Ituiutaba. Segundo o delegado Marcus Vinícius Lobo Vieira, eles são de Indaiatuba e Campinas, no interior de São Paulo, e atuavam em Minas Gerais, Goiás e Tocantins. “Eles eram especializados no roubo de cargas de alto valor como eletrônicos, remédios, cigarros e pneus. Cada uma no valor mínimo de R$ 85 mil”, afirmou o delegado. Não foi divulgado o valor total dos roubos. As investigações apontam indícios de ações em Uberlândia, Uberaba e no Sul de Minas.
Com a quadrilha, estavam dois carros e duas carretas. Os primeiros eram usados nas abordagens e os demais para o transporte do material roubado. De acordo com a PC, parte do grupo rendia motoristas em pernoite para que os demais fizessem o transbordo do carregamento. Havia ainda um especialista na desativação dos rastreadores dos veículos.
Segundo as investigações, os criminosos roubavam eletrônicos, remédios, cigarros e pneus automotivos. “Eles buscavam carretas com cargas avaliadas em mais de R$ 85 mil. Agora será feita a identificação, qualificação dos presos e vistorias nas carretas”, afirmou. Os homens podem responder por roubo, formação de quadrilha, receptação e talvez por documentação falsa.
A polícia ainda suspeita que o grupo tenha envolvimento com uma facção criminosa de São Paulo. A princípio os presos serão levados ao Presídio Professor Jacy de Assis, mas podem ser transferidos para Belo Horizonte.
Informações e fotos: Jornal Correio de Uberlândia e TV Integração

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Campina Verde - Ocorrências Policiais

Favorecimento a prostituição e exploração sexual de vulnerável

No dia 16/01 os militares se deslocaram até a Avenida Santa Catarina, bairro Alvorada para averiguar denúncia da promotoria de que em Bar no referido local haveria menores se prostituindo e consumindo bebida alcoólica.
No local os militares depararam com uma menor de 16 anos atrás do balcão e com roupas incompatíveis à sua idade e ao local, o qual é frequentado somente por homens.
No momento em que os militares determinaram que todos se colocassem em posição de busca, a menor tentou fugir, saindo do local pela parte dos fundos, tendo acesso à outra rua, porém os militares a abordaram e ela tentou mentir sua idade.
Momentos depois chegou ao local o autor D.N.F.M., 44 anos, dizendo que era o responsável pelo estabelecimento e que inclusive seus filhos menores trabalhavam no local e que a ação da policia não passava de perseguição. Os militares localizaram nos fundos do estabelecimento quartos com camas, o que caracteriza um possível local de prostituição. Foi dada voz de prisão ao autor.  A menor ficou sob os cuidados do conselho tutelar.
  
Desobediência de Ordem Judicial
Também em Campina Verde na Avenida Juca Teixeira, bairro Sinhô Teixeira, os militares deslocaram até a residência do reeducando F.O.M., 28 anos para constatar se ele estaria cumprindo as restrições impostas. No local a esposa de Fabio relatou que ele saiu de casa no dia 07 de janeiro e não retornou. Desta forma o reeducando estaria descumprindo as restrições de permanecer em sua residência após as 19h. O autor ainda não foi localizado.

Já na Avenida 19, bairro Sinhô Teixeira, os militares fizeram verificação para confirmar se o sentenciado A.A.S., 36 anos estaria cumprido prisão domiciliar. Na casa do pai de A.A.S os militares foram informados que ele não reside ali e que não sabiam onde ele reside.
No antigo endereço do sentenciado o atual morador relatou que já mora na residência há três meses e que não conhece o procurado.

Furto de botijão de gás em Escola Estadual

No dia 18/01 na Avenida Vinte e Três, durante patrulhamento, os militares depararam com o autor T.C.M., 25 anos carregando um botijão de gás vazio. Ao indaga-lo foi relatado aos policiais que a pedido do autor V.L.S., 20 anos iria levar o botijão até a casa de um amigo deles. Os militares então questionaram V.L.S, tendo ele confessado que haviam furtado o botijão na Escola Estadual Nicodemus de Macedo e que havia outro botijão cheio, em um terreno baldio próximo a escola.
Foi localizado o referido botijão e dada voz de prisão aos autores.

 Furto 
No dia 20/01, na Rua 34, bairro Redenção a testemunha A.B., 64 anos disse aos policiais que seu sobrinho L.S.B., 38 anos havia lhe telefonado e dito que um autor havia lhe furtado a quantia de R$ 1.000,00 (Hum mil reais). A vítima ainda relatou que momento antes estava transitando pelo local dos fatos, quando lhe foi oferecida uma bebida em uma garrafa, a qual lhe deixou atordoado.
Os militares fizeram contato com a testemunha L.C.S.B., 53 anos o qual relatou que viu a vítima juntamente com o autor S.P.J., 43 anos. Os militares iniciaram rastreamento e localizaram o suspeito em um bar, sendo que após busca pessoal foi localizado em sua posse R$ 900,00 (Novecentos Reais) escondidos na cueca e após busca minuciosa foi encontrado mais R$ 100,00 (Cem Reais), totalizado o valor furtado, tendo o autor confessando a autoria do furto.
Fonte: Sgt PM Gláucia Fabiana Gouveia de Oliveira – Auxiliar de Comunicação da 3ª Cia. PM. Ind.

Acidente de trânsito com vítima fatal 
No dia 18/01, por volta das 18:30h, a Polícia Rodoviária Estadual foi solicitada e compareceu no Km 160 da Rodovia BR364, neste município, onde no local havia uma guarnição da Polícia Militar desta cidade, comandada pelo Cb PM Guilherme Oliveira isolando o local e sinalizando a pista. Os militares que estavam no local relataram que depararam com o veículo Toyota Hilux SW4, com placas da cidade de Caçu/GO, capotada na faixa de domínio do DNIT e uma vítima deitada ao lado do veículo sem sinais vitais. Que outras três vítimas haviam sido socorridas em uma ambulância de Campina Verde para o Pronto Socorro. O perito criminal compareceu ao local e após os trabalhos de praxe liberou o corpo de Sonia Maria da Silva para o serviço de funerária.
Após isso, a guarnição da Polícia Rodoviária se deslocou a esta cidade até o Pronto Atendimento Municipal onde o motorista do referido veículo, Abersone F. da Silva, relatou que conduzia o veículo sentido Campina Verde ao restado de Goiás quando ao passar por uma enxurrada que cruzava a pista, devido a chuva que caia no momento, o veículo aquaplanou e ele perdeu o controle direcional, capotando e permanecendo na faixa.
Relatou ainda que ajudou sua mãe, Sonia M. da Silva a sair do interior do veículo e se deitar ao solo, saindo em seguida para a pista em busca de socorro e ao retornar a vítima já não apresentava sinais vitais. O óbito da vítima foi constatado pelo médico de plantão do Pronto Atendimento Municipal.
A Polícia Rodoviária constatou ainda que o motorista não sofreu ferimentos, já os demais passageiros, João Batista A. e Maria Lúcia R. tiveram vários ferimentos e hematomas.
Todos os envolvidos no acidente tem endereço de residência na cidade de Cachoeira Alta/Go.
Fonte: Polícia Rodoviária Estadual

*** De acordo com informações da polícia militar, naquela mesma data, poucos minutos antes havia ocorrido outro acidente naquela rodovia, distante uns 200 metros.
Em informações extraoficiais é de que o veículo também sofreu aquaplanagem, vindo a capotar e cair numa ribanceira, chocando contra um barranco de aproximadamente seis metros. Neste acidente, o veículo sofreu danos generalizados, porém o motorista sofreu somente lesões leves.

Polícia Civil cumpre mandado de prisão e prende acusado de homicídio

Lucio Antônio C. F. J.
A polícia Civil de Campina Verde em cumprimento de mandado de prisão expedido pela justiça efetuou a prisão nesta terça-feira (21/01) do acusado Lucio Antonio C. F. J.
Lucio Antônio C. F. J. é acusado de homicídio ocorrido nesta cidade na madrugada do dia 25/12/2013, que teve como vítima Paulo Rogério Vasconcelos Queiroz em uma bar localizado na Avenida 23.
De acordo com o Boletim da Polícia Militar, no dia do fato, o acusado teria quebrado uma garrafa no bar durante uma discussão com a vítima. A polícia militar foi acionada, compareceu no local, sendo que o acusado já não estava mais. Ao saírem em rastreamentos pelas imediações, receberam nova solicitação informando que o acusado havia retornado ao local de posse de uma faca e atingido a vítima Paulo Rogério.
No local os militares depararam com a vítima sentada no chão, tendo o mesmo sido socorrido até o Pronto Atendimento Municipal, onde a médica de plantão posteriormente informou que durante atendimento médico, a vítima veio a óbito proveniente de uma perfuração na região do abdômen, lado esquerdo, próximo ao peito, provocada por instrumento perfuro cortante.
Os militares foram informados ainda que na fuga, o acusado teria atingido o braço de outra pessoa que estava no local, o qual relatou que só não sofreu danos maiores devido à pressa do acusado em empreender fuga.
Durante rastreamentos com o objetivo de prender o acusado, a polícia militar foi informada de que o autor teria fugido a pé após agredir sua irmã e cunhado, os quais se negaram a dar fuga a ele após saberem o que havia ocorrido no bar.
Apesar de rastreamentos naquela data o acusado não foi localizado, fugindo do prazo do flagrante em delito, sendo sua prisão determinada pela justiça nesta data.
Cumpriram o mandado de prisão expedido pela justiça, os policiais civis, Junior, Pedro e Lucas Signorelli.
Fonte: Polícia Civil de Campina Verde


Luto na Polícia Militar
Eduardo Vieira
Foi encontrado morto em sua casa, na cidade de Uberaba, na tarde da última sexta-feira (17), o soldado PM (191ª Cia/4ºBPM) Eduardo Vieira Machado, 32 anos. O corpo estava sobre a cama com ferimento no peito, provocado por projétil de arma de fogo. A Perícia Técnica da Polícia Civil esteve no local e fez a apreensão de uma pistola calibre 380 e encaminhou o cadáver ao IML. O sepultamento aconteceu no sábado. A Polícia Civil instaurou inquérito policial para apurar as causas e o que levou à morte do militar, sendo que tudo indica que trata-se de suicídio.
Fonte: Jornal da Manhã (Uberaba)
Acidente no interior de São Paulo mata três pessoas da mesma família e deixou outra gravemente ferida
 As vítimas, mãe e dois filhos moravam  na cidade de Iturama
 
Foto PR
O acidente ocorreu na madrugada desta terça-feira (21/01), na Rodovia Assis Chateaubriand, no município de Martinópolis, próximo a cidade de Presidente Prudente-SP, envolvendo um caminhão e um carro (Gol) matou três pessoas da mesma família, sendo duas mulheres, Maria de Lourdes S., aposentada, 64 anos, sua filha Valdenice A. S. S., enfermeira, 41 anos e seu filho Valdenir Luiz S. , frentista, 43 anos.  
A família que residia atualmente na cidade de Iturama, moravam antes no distrito de Honrópolis. Maria de Lourdes S., foi funcionária da Prefeitura Municipal de Campina Verde no distrito de Honorópolis.
A batida foi frontal e aconteceu por volta das 3h10 desta terça-feira (21), de acordo com a Polícia Rodoviária.
Uma jovem, estudante, de 15 anos, Jéssica D. S. S.. (filha da vítima Valdenice) que também estava no banco traseiro do Gol, foi encaminhada para o Hospital Regional (HR) de Presidente Prudente com ferimentos graves. Já o motorista do caminhão nada sofreu.
O caminhão, com placas de Brasília, transitava sentido Parapuã-Presidente Prudente, com destino a cidade de Marealva (PR), quando foi atingido pelo Gol que transitava no sentido contrário à pista, Indiana-Parapuã. A suspeita, ainda segundo os policiais, é de que o condutor do veículo tenha dormindo enquanto dirigia, invadindo a faixa contrária e colidindo com o caminhão.
Ainda conforme a Polícia Rodoviária, o condutor e os passageiros do Gol, voltavam do Paraguai com o carro carregado de produtos eletrônicos. A família teria saído do Paraguai por volta das 17h de segunda-feira (20).
O caminhão e o carro foram guinchados e retirados do local. Parte da rodovia precisou ser interditada, mas, conforme as informações da polícia, a pista foi liberada por volta das 9h. Peritos do Instituto de Criminalística estiveram na rodovia, para verificar as causas do acidente.

sábado, 18 de janeiro de 2014

Batida entre Uno e carreta mata quatro pessoas de Comendador Gomes na BR-153
Segundo os bombeiros, o motorista do carro tentou fazer uma ultrapassagem antes do acidente
  
Um grave acidente matou quatro pessoas no final da tarde desta quinta-feira, na BR-153, em Comendador Gomes. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um carro e uma carreta bateram de frente no km 169 da rodovia.
De acordo com relatos do motorista da carreta Scânia, de cor vermelha e com placas da cidade de Orleans - SC, o condutor do Fiat Uno com placas HFU – 3196, de Comendador Gomes, tentou fazer uma ultrapassagem, invadiu a contramão da pista e bateu de frente com o veículo de carga.
Com o impacto da colisão, morreram no local Francisco Miudo de Olivindo, conhecido como “Ceará", de 53 anos, que estava na direção do Uno, e as ocupantes, Maria Terezinha Cibele De Olivindo, de 51, Léa Aparecida Oliveira Florentino, de 47, e Genimiana Maria da Rocha Olivindo, de 78.
Conforme o Corpo de Bombeiros, a violência da batida fez com o corpo do motorista do carro fosse arremessado para fora do veículo. Já as demais vítimas ficaram presas às ferragens.
O trânsito na região do acidente ficou parcialmente interditado até por volta das 20h30 para os trabalhos da perícia e dos bombeiros.
Com informações e fotos: Jornal Estado de Minas e portal Alô Frutal
 Confira as fotos:



terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Urupê Tênis Clube recebe a apresentação de Jodelson e Banda neste sábado (18/01)
Foto - Divulgação
Campina Verde - O Urupê Tênis Clube realiza no próximo sábado (18/01) o Baile de Férias.
A apresentação será de Jodelson e Banda que promete animar o público com um repertório variado e com o melhor do rock, pop, MPB e músicas internacionais dos anos 70, 80 e 90.
Vale a pena conferir: Venda de ingressos e mesas na Secretaria do Clube.

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

 Campina Verde – Bandidos explodem caixas eletrônicos em Campina Verde

Na madrugada desta segunda-feira (13/01), por volta das 03h30min, houve uma grande explosão nos caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil, que fica localizada na Avenida 11, no centro da cidade.
De acordo com o relatório da Polícia Militar, testemunhas informaram que estavam próximas da agência na hora da explosão, mas não souberam repassar as características dos indivíduos, somente informaram que eles estavam em dois veículos, possivelmente um tipo Monza e outro tipo Pálio, ambos de cor clara e ainda uma motocicleta.
Ainda de acordo com as informações, após a explosão saiu muito fumaça do interior da agência, prejudicando a visibilidade.
Foram encontrados na avenida e na Rua 22, onde fica localizado quartel da Polícia Militar, vários “miguelitos”, que são pregos retorcidos e soldados, os quais servem para danificar (furar) pneus de veículos. Os materiais possivelmente foram deixados nas respectivas vias com o objetivo de impedir a ação policial e assim facilitar a fuga.
Com a explosão, dos seis caixas eletrônicos da agência, um deles ficou completamente destruído e os demais apenas danificados. Já as vidraças da agência também foram destruídas. Durante os trabalhos de praxe, os militares localizaram três barras de ferro, utilizados como alavanca.
A informação é de após a explosão os bandidos fugiram em direção da MGT-497, que liga esta cidade à cidade de Prata.
A reportagem do Blog de Notícias Campina Verde, conversou com o comandante da Polícia Militar desta cidade, Tenente Lopes, o qual nos disse que a direção do banco ainda não informou a quantia levada pelos bandidos e que está aguardando as imagens do circuito de segurança, para posteriormente repassar maiores informações à imprensa.

(Nota da Redação) Tragédia anunciada
Nesta conversa informal, o comandante nos confirmou uma informação que tivemos de que no momento da explosão, a guarnição da Polícia Militar escalada para a ronda da noite não se encontrava na cidade já que havia ocorrido um flagrante e tiveram que se deslocar até a cidade de Iturama, onde ocorre o plantão da Polícia Civil em finais de semana e em dias úteis após as 18 horas.
Portanto, para atender a ocorrência, outra guarnição teve que ser composta por militares que se encontravam de folga do serviço, até que os militares retornassem da cidade de Iturama.
Sabemos que o plantão regionalizado da Polícia Civil foi implantado, em todas as regiões do Estado. Em Campina Verde, como em outras cidades com até 30 mil habitantes, (ou que não há Delegacia Regional da Polícia Civil), quando há ocorrência de flagrante delito em caso de prisão, a viatura da Polícia Militar desloca-se com toda a equipe para a Delegacia Regional, que no caso fica localizada na cidade de Iturama.
Sabemos também que a implantação do plantão regionalizado da Polícia Civil foi uma forma de minimizar os problemas pela insuficiência de efetivo da Polícia Civil, mas por outro lado os municípios atingidos pela regionalização ficam sem uma única viatura de serviço, durante horas, desprotegendo a população local. Por outro lado, esses deslocamentos também impõem risco de vida enorme dos policiais que já estão cansados pelo desgaste físico durante todo o turno de serviço que originou aquela ocorrência são obrigados a se deslocarem para outra cidade, conduzindo o preso que por maioria das vezes é liberado antes mesmo dos militares, já que os mesmos tem que finalizar a ocorrência na Delegacia Regional.
Seria de fato, salutar a regionalização de plantões da Polícia Civil no Estado, desde que a Polícia Militar estivesse também equipada e preparada para tal, ou seja, com a quantidade de viaturas suficientes e em excelente estado de conservação e, especialmente, efetivo suficiente para se formarem duas guarnições para que na saída de uma para conduzir presos em flagrante, a outra pudesse realizar a ronda na cidade e sabemos que em Campina Verde isso é impossível devido à insuficiência do efetivo policial.
Na madrugada desta segunda-feira, quando ocorreu o fato e não havia guarnição policial em serviço na cidade, sofreu danos materiais e possivelmente financeiros, uma agência bancária que possui seguro patrimonial, mas qualquer dia desses a vítima poderá ser uma pessoa que terá sua vida em risco ou até mesmo uma família inteira, para a qual não existe nenhum seguro que possa remediar.

Participaram da ocorrência os militares: Sgt PM Antônio Soler Pereira, Cb PM Guilherme Eterno Borges de Oliveira, Ten PM Rodrigo Otavio Pereira Lopes, Sgt PM Cristiano Roberto de Souza, Sd PM Andre Martins de Brito, Sd PM Gleydson Rodrigues Magalhães e Sd PM Bruno de Almeida Silva.
Fotos: Valter Galdino

Campina Verde – Acidente com vítima fatal na Rodovia MGT-497

Por volta das 5 horas da manhã desta segunda-feira (13/01) um acidente envolvendo um trator e um veículo tipo pálio teve como vítima fatal, Eziomar Marques de Medeiros, 51 anos.
A vítima dirigia um trator na referida rodovia, sentido a cidade de Iturama, ocasião em que chovia muito e possivelmente devido a falta de visibilidade e de sinalização na máquina agrícola, o condutor de Pálio veio a se chocar na traseira do trator, arremessando o condutor para fora da máquina agrícola tendo o mesmo falecido no local devido às fraturas, inclusive no pescoço.
Já o condutor do veículo pálio sofreu apenas escoriações e uma criança de seis anos que estava no veículo sofreu fratura no maxilar inferior e foi encaminhada para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro em Uberaba. Os demais passageiros do veículo nada sofreram.
A Polícia Rodoviária Estadual compareceu no local, bem como o perito da Polícia Civil que realizou os trabalhos de praxe. Após isso, os veículos foram retirados do local e o carro foi levado para o pátio do Detran, pois estava com falta de licenciamento.
O corpo da vítima Eziomar Marques de Medeiros foi levado para a cidade de Iturama onde será sepultado.
Campina Verde – Ocorrências policiais


Furto na Secretaria de Assistência Social do Município

Na última sexta-feira (10/01), a solicitante L.M. R.C.B. acionou a Polícia Militar e relatou que ao chegar na Secretaria de Assistência Social do município, localizada na Rua I – Bairro Alvorada, deparou com deparou com um vitrô arrombado e percebeu que haviam sido furtados,  um notebook, um cofre de moedas, um estabilizador , uma calculadora, um livro de ata e um óculos e que durante a ação os autores ainda danificaram diversos documentos.

Porte ilegal de arma branca

Ainda na sexta-feira (10/01), a polícia Militar foi acionada e compareceu na Avenida Prefeito Fradique Correa da Silva- Bairro Alvorada, onde, de acordo com a denúncia o autor W.S.R. de 20 anos estava de posse de uma faca. Os militares efetuaram a abordagem ao autor, localizando em suas vestes uma faca com aproximadamente 25cm de lâmina.

Localização de aparelho celular na cadeia local

Na cadeia pública de Campina Verde, os agentes penitenciários relataram aos militares que ouviram os detentos BRUNO, 25 anos e ANTONIO, 22 anos utilizando um celular no interior da cela. Os militares deslocaram ao local e após busca na cela localizaram um aparelho celular 
Nutricionista dá dicas para escolher a dieta mais adequada para cada pessoa


Basta chegar o verão para surgirem as mais diversas dicas sobre dietas que prometem perda rápida de peso e a conquista das formas desejadas. Em meio a tantas, como escolher a mais adequada? Fazer mudanças bruscas na alimentação como jejum ou dietas restritivas, pode trazer problemas para a saúde. E para evitar que isto aconteça, o primeiro passo, após definir o objetivo da dieta, é buscar orientação de um especialista para elaborar um plano alimentar individualizado e apropriado ao estilo de vida.
Segundo a nutricionista Karin Honorato, é importante que a dieta seja encarada como reeducação alimentar e mudança de hábitos. A especialista explica que a dieta não tem de ser sacrificante, e que é, sim, possível fazer uma dieta saudável, obter bons resultados e se alimentar bem, sem ter de parar de comer o que gosta. “Fazer dieta não significa comer apenas salada, frango grelhado ou alimentos integrais. Há dietas que trazem diversas opções para não repetir os mesmos alimentos, e também outras que incluem alimentos considerados gordurosos, mas que na verdade são benéficos à saúde, e quando consumidos da forma correta, ajudam a atingir o objetivo”, disse.

Confira abaixo quatro tipos de dieta e o comentário da especialista sobre quem pode fazê-las.

Dieta das proteínas
Existem diversos tipos de dietas das proteínas, como a Dukan. Elas restringem parcial ou completamente a ingestão de carboidratos, e priorizam o consumo de proteínas e gorduras. “A restrição parcial ou total dos carboidratos ajuda a emagrecer depressa, mas é importante dosar a quantidade dos outros grupos de alimentos, em especial as gorduras, para não comprometer os rins”, disse Karin Honorato. Por ser uma dieta muito restritiva, há extrema dificuldade de mantê-la e não são poucos os profissionais que evitam sua recomendação.

Dieta do tipo sanguíneo
Criada pelo médico americano Dr. Peter James D´Adamo, a dieta do tipo sanguíneo é dividida em três categorias. Pessoas de sangue tipo “O” seriam mais “carnívoras”, as de tipo A possuiriam maior tendência à alimentação vegetariana, as de tipo B seriam onívoros, e as de tipo AB se beneficiariam da junção das duas últimas formas de alimentação. Esse plano alimentar ajudaria a identificar e inserir os alimentos que mais combinam com o organismo da pessoa, e assim prevenir e combater problemas inflamatórios que, geralmente, aumentam a retenção de líquidos e as gorduras localizadas, “mas esta dieta não tem pesquisas científicas para comprovar que isto seja válido para todas as pessoas e que tenha resultado, sem falar que mesmo tendo o mesmo tipo sanguíneo, as pessoas possuem individualidades diferentes”, afirmou a nutricionista.

Dieta mediterrânea
Criada com base nos hábitos alimentares dos povos das regiões banhadas pelo mar Mediterrâneo está entre as dietas mais indicadas para quem deseja emagrecer de forma saudável. Essa dieta prioriza alimentos in natura e evita os industrializados, e com isso, já ajudam a eliminar uma série de aditivos químicos do organismo e a reduzir o sal e açúcar, comuns nos cardápios brasileiros. É ainda considerada a dieta saudável para o coração. O plano alimentar desta dieta é composto, principalmente, por carnes brancas, frutas e vegetais e gorduras “do bem”.

Dieta detox
Há quem associe uma alimentação “detox” a dietas radicais, mas na verdade trata-se de uma técnica da nutrição funcional para ajudar o organismo a eliminar toxinas e outras substâncias prejudiciais para a saúde. A dieta detox evita ao máximo, alimentos industrializados e com potencial alérgico, produtos refinados, laticínios gordurosos, glúten, corantes, café e álcool. “A detox é bastante recomendada não apenas para emagrecer, mas também para tratar sintomas como o cansaço, mau funcionamento do intestino, retenção de líquidos, dores de cabeça, dentre outros”, disse Karin Honorato.

Recomendações da especialista

A nutricionista consultora da Netfarma faz uma ressalva para os intervalos entre as refeições. De acordo com a Dra. Honorato, o ideal é respeitar o intervalo de três horas entre uma refeição e outra, e evitar passar longos períodos sem se alimentar, pois além de diminuir o ritmo do metabolismo, o jejum prolongado predispõe o organismo às carências nutricionais. E é bom lembrar: antes de começar qualquer dieta, consulte um especialista e tenha sempre acompanhamento médico.

Fonte: Jornal Correio de Uberlândia

domingo, 12 de janeiro de 2014

PRF apreende mais de 23 kg de pasta base de cocaína na BR-364

Ao ser preso o motorista disse aos policiais ser pecuarista do município de Campina Verde e que a droga seria trazida para esta cidade

Policiais rodoviários federais apreenderam 23 quilos de pasta-base de cocaína na manhã de sábado (11) durante uma fiscalização no posto da PRF em Cuiabá na saída para Rondonópolis.
A droga foi encontrada depois que uma equipe do Grupo de Patrulhamento Tático da 1ª Delegacia (Cuiabá) da PRF abordou um Gol Rallye com placas de Fernandópolis/SP. O motorista, Otair F. M., 34 anos, disse aos policiais ser pecuarista em Campina Verde, mas apresentou intenso nervosismo e algumas contradições ao ser questionado sobre o motivo da viagem. Após revista minuciosa no interior do carro, foram encontrados diversos tabletes contendo substância análoga à pasta base de cocaína. No total, havia 23,3 quilos do entorpecente e, de acordo com o suspeito, a droga seria levada para Campina Verde, onde reside.   Ele confessou ainda que pegou o veículo num posto de combustíveis em Várzea Grande, já pronto para seguir viagem com o entorpecente escondido, e receberia R$ 8 mil pelo transporte. O motorista também contou aos policiais rodoviários federais que seria a segunda vez que fazia esse tipo de viagem.  
O veículo, o suspeito e a droga foram levados para a Delegacia da Polícia Federal, em Cuiabá onde ele foi autuado pelo tráfico de entorpecentes e está preso na Penitenciária Central do Estado.
* De acordo com informações repassadas ao Blog de Notícias Campina Verde, o suspeito Otair F. M. estava residindo na cidade de Iturama e em propriedade de sua família, neste município, próxima ao distrito de Honorópolis.
Fotos: Assessoria PRF e arquivo pessoal 

sábado, 11 de janeiro de 2014

Campina Verde - Acidente de trânsito 

Grave acidente de trânsito ocorrido na Avenida Fradique Correa da Silva na noite da última quinta-feira (09/01).
Confira as informações completas nos áudios abaixo, através das entrevistas realizadas pelo radialista Valter Galdino (Rádio Cidade FM).

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Duas agências bancárias foram alvos de bandidos nesta madrugada na região
Fotos Gil Martins/Prata
Depois do último assalto à agência do Banco do Brasil na cidade de Prata no dia 20 de dezembro de 2013, ou seja, 22 dias depois, mais uma vez a cidade amanheceu assustada com mais uma explosão de caixa-eletrônico na referida agência. 
Nesta madrugada (10/01), por volta das 5 horas, elementos que estavam em um veículo tipo Parati de cor branca, e com o apoio de outro veículo tipo corsa, fizeram de reféns o guarda-noite e um encarregado de limpeza da Prefeitura que fica próximo à agência do Banco do Brasil. Em seguida entraram na agência e logo após uma forte explosão destruiu dois caixas eletrônicos e danificou outros dois. As portas da agência foram destruídas e pedaços de vidros foram lançados para o lado externo da agência e para a rua em frente ao Banco.
Logo em seguida os elementos evadiram-se do local rumo ao Bairro Bela Vista que é a saída para a cidade de Campina Verde, neste percurso cruzaram com o comandante da Polícia Militar daquela cidade, Capitão Souza e ao verem a arma com o policial, rapidamente colocaram suas armas pra fora do carro. Houve troca de tiros e não se sabe se algum dos bandidos foi alvejado.
Uma equipe do GATE esteve na agência do Banco do Brasil e localizaram restos de pólvora, material que possivelmente não foi usado devido a pressa dos bandidos.
De acordo com informações da polícia, os veículos utilizados são das mesmas características dos veículos usados pelos bandidos que explodiram os caixas da agência do Bradesco também nesta noite, por volta das 3 horas na cidade de Comendador Gomes.Os novos caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil na cidade de Prata foram instalados ontem (09/01), e as reformas ainda não haviam sido finalizadas, após o último roubo, ocorrido em 20/12, ocasião em que um segurança do carro de transportes de valores foi baleado e faleceu.
De acordo com o comandante da Polícia Militar, quando o grupo rendeu as pessoas que estavam nas proximidades da agência disseram que só queriam o dinheiro do governo e que se ficassem quietas não aconteceria nada com elas.
Ainda segundo o capitão, na explosão, foi danificado o caixa onde ficam os envelopes de depósito, os quais foram levados. Três armas de fogo que se encontravam em uma sala próxima aos caixas também foram levadas pelos criminosos, mas a polícia não soube precisar o valor roubado na ação pelos assaltantes. O local ficou totalmente danificado. "Como houve abordagem as pessoas que estavam próximas do banco, a ocorrência foi registrada como roubo.   Não houve ferido", explicou  Flávio de Souza. 
Já na cidade de Comendador Gomes, a cerca de 70 Km da cidade de Prata, dois caixas eletrônicos foram alvo de criminosos também nesta madrugada (10/01), por volta das 3 horas. Os crimes, segundo a Polícia Militar, ocorreram num intervalo de duas horas e foram praticados pela mesma quadrilha. O grupo seria de Uberlândia e estava em dois carros de passeio.
Na cidade de Comendador Gomes, segundo o sargento Gerson José da Silva, a quadrilha cerrou a grade de proteção do local, quebrou os vidros e utilizando de explosivos arrombaram o caixa eletrônico. Cerca de R$ 50 mil foram levados pelos criminosos. O sargento afirmou que no banco não havia alarme nem câmeras de segurança, mas que a polícia teve acesso a imagens de um estabelecimento comercial próximo ao local. "As imagens já foram analisadas e estamos trabalhando para identificar e localizar os suspeitos", disse.
Gerson da Silva acrescentou que a estrutura da agência bancária ficou bastante comprometida e ele acredita que se o imóvel fosse mais antigo teria desabado. "Estávamos no quartel quando ouvimos a explosão. Quando a polícia chegou ao local só havia fumaça e os ladrões já haviam fugido", contou.
As polícias das duas cidades vítimas da quadrilha montaram um cerco nas rodovias da região a fim de capturar o grupo, mas até o momento ninguém foi preso.
Com informações: Gil Martins (Jornal Cidade de Prata) e Portal G1

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Chegou a SEXTA MALUCA  - SUPERMERCADOS SANTA RITA
* Ofertas válidas também para a nova  Loja 1

Click na imagem abaixo para ampliar


quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

 Nova diretoria do Sindicato Rural toma posse em Campina Verde
Tomou posse na manhã do último sábado (04/01), a diretoria eleita do Sindicato Rural de Campina Verde para o triênio 2014/2016.
A solenidade, bastante prestigiada, teve início às 10h no Anfiteatro do Sindicato Rural e marcaram presença, associados do Sindicato Rural e familiares, representantes de entidades, os vereadores, Mário Machaim (membro da diretoria), Olívia Nahass, João Silva, Alan Borges e João Batista Barbosa, o ex-prefeito, Fradique Gurita, a juíza de direito da comarca, Eleusa Maria Gomes, representantes da Polícia Militar, Polícia Ambiental e Polícia Civil, o Secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Minas Gerais, deputado federal Zé Silva, o prefeito da cidade de Gurinhatã, Willian Leleu Damasceno, além de demais autoridades representativas locais e da região e convidados da diretoria.
A solenidade foi presidida pelo ex-presidente Rondon Paulo de Faria Silveira e pelo ex-tesoureiro, Nelson Lacerda Inácio.

A nova diretoria, que irá administrar a entidade no triênio 2014/2016, foi eleita no dia 01 de dezembro. Wagner Faria Borges ocupa o cargo deixado por Rondon Paulo de Faria Silveira, que esteve à frente do Sindicato Rural de Campina Verde pelo período de 2011 a 2013, onde, com o apoio de sua diretoria realizou um trabalho excepcional de revitalização e melhorias na estrutura da entidade, bem como obteve muito sucesso na realização das três últimas festas de exposição, a Expoverde, firmou diversas parcerias, inclusive com os segmentos de segurança com o objetivo de coibir o furto de gado no município, aumentou consideravelmente a prestação de serviços aos associados, além de sanar dívidas existentes ao assumir a entidade, resgatando a credibilidade do Sindicato,
Somando a isso, diversos fatores, o ex-presidente obteve êxito ao eleger o seu sucessor, para o qual deixa a direção da entidade com um saldo positivo, além de um convênio liberado no valor de R$200.000,00 (duzentos mil reais), liberados através de emenda parlamentar do deputado estadual Zé Maia para obras de recapeamento no interior do Parque de Exposições.
O atual presidente Wagner Borges Faria é ex-vereador, produtor rural e além de contar com o apoio e a parceria do ex-presidente Rondon Paulo de Faria Silveira, também terá sua administração reforçada através dos demais membros da diretoria, os quais possuem grande experiência na área administrativa e rural, dentre eles, Aluízio de Freitas Rezende e Marcos Cézar Brunozzi, ex-prefeitos e ex-dirigentes de Sindicatos Rurais, os quais, juntamente com os demais membros que também são pessoas atuantes na comunidade e na área rural, possuem bagagem necessária para dar prosseguimento ao trabalho realizado pela gestão anterior do Sindicato Rural.
A nova diretoria do Sindicato Rural de Campina Verde ficou assim composta: presidente: Wagner Borges Faria; 1º vice-presidente: Aluízio de Freitas Rezende; 2º vice-presidente: Marcos César Brunozzi; secretário: Euller Roberto Vasconcelos Matos; 2º secretário: Cleone Inácio França; tesoureira: Liara Nunes Assunção Assis; 2º tesoureiro: Uander Felisbino Leonel. Conselho Fiscal Titular: Mário Machaim Franco, Ilson Chagas Vieira Filho, Hugo Cássio de Faria Silveira. Conselho Fiscal Suplente: Luiz Carlos Pereira, Genebaldo Nahass Franco, Braz Rodrigues Pereira. Delegado Titular: Ricardo Teixeira Rosa; Delegado Suplente: Gaudêncio Faria de Almeida.

A cobertura completa da posse da nova diretoria, nossos leitores poderão conferir nas postagens a seguir, onde, através de áudios dos discursos e entrevistas, homenagens, além do anexo fotográfico (todas as fotos 4ª parte), procuramos reproduzir com a maior fidelidade possível todos os momentos do evento que finalizou com uma grande almoço de confraternização para todos os presentes na Barraca do Associado que fica localizado no interior do Parque de Exposições “Homero Santos”.
A direção do Blog de Notícias Campina Verde reitera os agradecimentos à diretoria anterior do Sindicato Rural de Campina Verde, através do Presidente Rondon Paulo de Faria Silveira, para o qual, tivemos a oportunidade de realizar prestação de serviços, através de jornal escrito de nossa região, do Jornal Notícias da Região e através deste espaço, tendo, portanto, a oportunidade de acompanhar o seu trabalho, suas conquistas e realizações, mas também suas privações e dificuldades. Uma gestão que começou contando com a parceria de muitos segmentos do município, imprescindíveis para somar junto à entidade efetivando uma melhoria na prestação de serviços ao produtor rural, esteio da economia de nosso município.
No decorrer de sua gestão, nem todas as parcerias se efetivaram, mas as suas expectativas foram supridas pela sua credibilidade, praticidade e empreendedorismo, colocando o seu trabalho em prol da entidade, acima de questões menores, obtendo com isso, muito êxito, possibilitando realizar uma gestão excepcional em prol da classe rural.
Realizou ainda, uma gestão responsável e transparente, dispensando a nós, profissionais da imprensa, todas as informações necessárias ao nosso trabalho, além de inúmeras peculiaridades, dentre elas, respeito, parceria e reconhecimento pelo nosso trabalho.
À nova diretoria do Sindicato Rural, os nossos votos de muito êxito e sucesso e que seja contemplada com todas as realizações planejadas em prol da entidade.
Acompanhe nas postagens seguintes a cobertura completa.


Campina Verde - Posse da Diretoria do Sindicato Rural - 9ª parte


Confira no áudio abaixo, na íntegra, o discurso do presidente do Sindicato Rural, Wagner Borges Faria "Waguinho".