sábado, 13 de fevereiro de 2016

Fatalidade - Campinaverdenses perdem a vida em acidente de trânsito próximo à Juara/MT

O acidente ocorreu, esta tarde, na MT-220, próximo ao município de Juara (350 quilômetros de Sinop), e envolveu um Fiat Uno branco, que acabou sendo esmagado pela carreta Mercedes Benz, da mesma cor. De acordo com a Polícia Civil, o motorista do  Fiat Uno, Cássio Ferreira Borges e seu filho, Lucas Oliveira Borges, 18 anos, morreram na hora. Uma fonte policial informou que o motorista da carreta relatou que chovia bastante, quando, repentinamente, o Fiat Uno invadiu a pista contrária. A carreta estava carregada com soja e, segundo ele, não foi possível evitar a colisão. O condutor da Mercedes escapou ileso. A versão relatada ainda será investigada posteriormente. Com o impacto, o carro ficou completamente destruído e ainda teve a parte dianteira incendiada. O condutor foi arremessado e acabou sendo prensado pelo veículo. Os corpos das vítimas foram encaminhados para a Funerária Bom Jesus de Juara para serem trasladados para esta cidade (Campina Verde), amanhã, às 6h30.
As vítimas prestavam serviços terceirizados na área de construção civil na VMX Armazéns em Porto dos Gaúchos.
Com informações e fotos:  Sonoticias e Show de Notícias

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Explosão na agência da Caixa Econômica Federal de Itapagipe

Bandidos explodiram dois caixas eletrônicos na agência da Caixa Econômica Federal na cidade de Itapapagipe. O barulho e disparos de arma de fogo foram ouvidos por volta de 3h30 da madrugada desta sexta-feira, 12/02.
No local foram encontradas cápsulas de calibre 12 e 380. Conforme a Polícia, eles fugiram em um veículo Toyota Corolla preto e um VW Gol branco e ao passar pela Avenida do Contorno dispararam três tiros e atingiram um veículo de um cidadão que transitava pelo local.
A Polícia Militar está na agência preservando o local para perícia.
Mais informações após a conclusão dos trabalhos da Polícia Militar.
Com informações e fotos:Marcio Garcia/Transamérica 90,3 FM


CHEGOU A SEXTA MALUCA
SUPERMERCADOS SANTA RITA
Confira as promoções válidas para os dias 12 e 13/02
Click na imagem para ampliar








sábado, 30 de janeiro de 2016

Polícia Militar apreende celular com preso em Campina Verde que ligava para suspeito em Planura

A Polícia Militar de Planura abordou na tarde desta sexta-feira (29) uma motocicleta em que seu condutor e seu passageiro apresentavam atitudes suspeitas. Os dois, segundo o soldado Alexandre, são pessoas conhecidas na cidade por terem passagens por tráfico e outro por homicídio. Eles estavam em uma moto Yamaha.
Durante a averiguação, os militares descobriram que os mesmos não portavam os documentos do veículo. Além disso, o condutor não possui CNH. Diante da situação, a moto foi recolhida.
Mas foi aí que os problemas desses indivíduos apenas haviam começado. Durante a lavratura da ocorrência, o celular de um desses indivíduos tocou e seu proprietário tentou disfarçar. Nesse instante – com tirocínio apurado – o militar pegou esse telefone e encontrou dentro dele diversas fotos do Forum de Frutal. Haviam imagens da parte externa e interna do prédio.
Aos militares, o proprietário informou que fez as imagens por achar que o prédio havia ficado “bonito”. “Achamos por bem fazer o recolhimento desse celular e durante o registro desse BO, um número passou a ligar constantemente e eu, então, atendi essa ligação e do outro lado havia uma pessoa que disse se chamar Juscelino”.
Juscelino, informa o policial, está preso na cidade de Campina Verde desde o mês de maio do ano passado acusado de envolvimento com tráfico de drogas quando foram apreendidos seis quilos de maconha em Planura. “E esse Juscelino é um dos suspeitos”.
interior da cadeia de Campina Verde
Sem saber que falava com um policial militar, Juscelino, preso em Campina Verde, de dentro da cadeia, questionou se “já tinha feito os ‘corre’ e ele não percebeu minha voz e eu disse que os ‘corre’ iria ser feito hoje”.Imagem do interior da cadeia de Campina Verde.
Após a conversa, soldado Alexandre fez contato com a Polícia Militar da cidade de Campina Verde repassando todas essas informações. “Nisso, os militares foram a cadeia pública de Campina Verde – na cela em que estava preso Juscelino – o mesmo foi flagrado com celular na mão. Ele estava retornando a ligação para o mesmo telefone”.
A Polícia Militar aponta que Juscelino é considerado de alta periculosidade e foi morador da cidade de Planura “e vai ficar mais um tempo preso por esse crime graças às informações que a gente obteve”.
Fonte: Portal Alô Frutal

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Veículo carregado de agrotóxico é apreendido na MG-497

Na Rodovia MG-497, Km 246 a equipe da Polícia Militar Rodoviária composta pelos militares, Sgt Araújo e Sgt Cardoso, abordou um veículo FIAT/Línea o qual encontrava-se carregado de agrotóxico e alguns materiais eletrônicos oriundos do Paraguai. 
O veículo apreendido bem como o condutor foi conduzido até a autoridade policial para as demais providências.
Foram apreendidos os seguintes materiais: 432 pacotes de aproximadamente um quilo cada um de defensivo agrícola "benzoato", 10 calculadoras científicas CASIO, 5 carregadores para pilhas SONY, 6 telefones celulares BLU TANK ll, 2 barbeadores PANASONIC, 1 máquina de cortar cabelo WAHL, 1 frasco de perfume JEAN PAUL, 2 repetidores de sinal WI-FI TP LINK, 1 tela TOUCH BLU, 60 Pen-drives de 8Gb, 30 Pen-drives de  16 Gb, 30 Pen-drives de 4Gb, 1 Imã que era utilizado para ativação do rádio comunicador do veículo.




terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Dengue: Campanha é lançada pela Câmara Municipal de Campina Verde

Campina Verde - O Presidente da Câmara Municipal, vereador João Batista Barbosa confirmou, na manhã desta terça-feira, o lançamento pelo Poder Legislativo da campanha institucional “Dengue: Vote Contra”. A campanha será realizada através de mensagens publicitárias nos meios de comunicação, especialmente nas redes sociais com o objetivo de auxiliar o trabalho de conscientização junto aos moradores da cidade na redução dos focos do mosquito transmissor da dengue e de outras doenças.
Além desta ação, o Presidente do Legislativo expediu Requerimento endereçado à Secretaria Municipal de Saúde, assinado pelos demais vereadores, Alan Borges de Oliveira, Marcos Roberto Ferreira de Almeida, Mário Machaim Franco, João Silva Filho e Olívia Maria Nahass Franco de Sousa, solicitando informações sobre a situação atual da dengue no município (quantas notificações nos últimos 6 meses, quantas confirmações) bem como sobre as medidas que estão sendo tomadas, na prevenção e no combate para evitar a proliferação do mosquito e consequentemente contribuir na redução dos casos de dengue.
“A participação da Secretaria Municipal de Saúde, através do Setor de Vigilância Epidemiológica é muito importante, mas não podemos ficar inertes também frente à situação, já que estamos em período muito propício à proliferação do mosquito causador da doença. Portanto, a Câmara Municipal deu início à Campanha para ajudar o Poder Público Municipal na conscientização da população que é a peça fundamental de controle da doença”, ressalta o Presidente do Legislativo, vereador João Batista Barbosa.
Segundo o Presidente, a campanha institucional do poder legislativo representa apenas uma das medidas adotadas para contribuir na redução dos casos de dengue em Campina Verde, “dentro das atribuições constitucionais da Câmara Municipal”. A mensagem publicitária da casa pede aos moradores que elimine todo e qualquer objeto com água parada em suas residências, além de manter limpas as vias públicas da cidade. A campanha, cuja frase de apoio é “Vamos ganhar do mosquito por unanimidade” e “DENGUE Vote Contra”, serão divulgadas em meios de comunicação, dentre elas em redes sociais e em outros materiais de divulgação institucional do poder legislativo.
Paralelo à campanha institucional, os vereadores vão ampliar o número de proposições voltadas à prevenção e ao enfrentamento da doença, inclusive com a convocação do secretário de Saúde e representantes da Vigilância Epidemiológica da Prefeitura, caso necessário, além de realizar reuniões com representantes de bairros da cidade e de demais segmentos representativos da comunidade.

“A população pode estar certa de que o Poder Legislativo vai atuar com o objetivo de diminuir os reflexos negativos da doença na cidade, respeitando, obviamente, as suas atribuições regimentais e constitucionais” – afirma o Presidente do Legislativo, vereador João Batista Barbosa.

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Tribunal Superior Eleitoral divulga resolução que disciplina o limite de gastos para os cargos de vereador e prefeito nas eleições municipais de 2016

Agora é Lei e estão limitados os gastos com campanha de Prefeito e Vereador

Veja os valores máximos para Campina Verde e demais municípios de Minas Gerais (clik na imagem abaixo para ampliar)


O Tribunal Superior Eleitoral divulgou Resolução com o detalhamento dos limites de gastos para os cargos de vereador e prefeito nas eleições municipais deste ano. A partir de agora, com as alterações promovidas pela Reforma Eleitoral 2015 (Lei 13.165), o teto máximo das despesas dos candidatos será definido com base nos maiores gastos declarados na eleição anterior.
De acordo com a norma, no primeiro turno do pleito para prefeito o limite será de 70% do maior gasto declarado para o cargo em 2012.
A norma foi disciplinada pela Resolução TSE 23.459, de 15.12.2015.
A norma diz ainda que nos municípios com até 10 mil eleitores, o limite de gastos será de R$ 100 mil para prefeito e de R$ 10 mil para vereador.
Nos municípios com mais de 10 mil eleitores, sempre que o cálculo do maior gasto declarado resultar em valor inferior ao patamar previsto para cada cargo.
No caso das campanhas eleitorais dos candidatos às eleições para vereador, o limite de gastos também será de 70% do maior valor declarado na última eleição.
Mas atenção: Os valores serão atualizados monetariamente de acordo com a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), tendo como base o período de outubro de 2012 a junho de 2016. Os valores corrigidos serão divulgados por ato editado pelo presidente do TSE, cuja publicação deverá ocorrer até o dia 20 de julho do ano da eleição.
As tabelas com os valores por município estão anexadas na Resolução 23.459.
Acompanhe no link abaixo o teor da resolução e as tabelas para todos os municípios brasileiros:

Vereadores são detidos em operação do Gaeco na cidade de Centralina/MG
Operação cumpre três mandados de prisão de vereadores investigados

Três vereadores de Centralina, no Triângulo Mineiro, foram presos na manhã desta terça-feira (19) durante a operação “Viagem Fantasma”, suspeitos de desvio de dinheiro. A ação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado - Unidade Regional de Uberlândia (Gaeco) foi para desmontar um esquema de associação criminosa, peculato e lavagem de dinheiro.
Operação viagem fantasma em Centralina  (Foto: Leandro Moreira/G1)Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, inclusive nas instalações da Câmara Municipal de Centralina, de onde recolheram computadores e documentos. Segundo o promotor de Justiça Marcos Vinícius Ribeiro Cunha, foram conduzidos os Legislativos Eurípides Batista Ferreira, o Baianinho (Pros), Hélio Matias (PSL) e Carla Rúbia do (SDD). A imprensa ainda não conseguiu ouvir representantes da Câmara Municipal até a publicação desta matéria.
Conforme nota à imprensa, o Gaeco informou que os vereadores foram investigados por “recebimento de diárias de viagens que na realidade nunca aconteceram, bem como o desvio de dinheiro público cometido por alguns vereadores e servidores da Câmara".
De acordo com o promotor, os vereadores ficam presos preventivamente no Presídio Professor Jacy de Assis e os materiais apreendidos serão encaminhados ao Gaeco em Uberlândia para análise.
A operação envolveu 40 policiais militares e dez viaturas. A assessoria de comunicação do Ministério Público disse por e-mail que provavelmente o promotor não vai atender a imprensa nesta terça-feira (19), somente depois das investigações. São, ao todo, seis investigações em curso envolvendo desvios de recursos públicos por vereadores e servidores da Câmara Municipal de Centralina.
Com informações e foto: G1/Triângulo Mineiro